ADALBERTO MOBILIZA JOVENS PARA GUERRA

A UNITA de Adalberto Costa Júnior colocou em marcha o seu projecto de desestabilização e criação da desordem em Angola.
O plano prevê a realização de manifestações violentas , a incitação da violência contra as forças da lei e da ordem e o lançamento de campanhas de desinformação e calúnias contra as entidades do estado angolano .

A ideia da UNITA é provocar uma situação em que as forças da lei e da ordem disparem contra os manifestantes para que possa exibir os seus cadáveres a comunidade internacional l , como alegada prova da existência de um governo autoritário em Angola .

A UNITA não está sozinha nesta sua aventura irresponsável .
A novidade é que conta agora com o apoio de alguns elementos do MPLA, envolvidos na delapidação do erário público durante o mandarinato de José Eduardo dos Santos .

Esses elementos do MPLA, descontentes com o fim dos seus privilégios , decidiram estabelecer uma aliança com a UNITA de Adalberto Costa Júnior , a quem financiaram e financiam nas suas acçoes contra o Presidente JOAO LOURENČO .

A estratégia conta com o envolvimento de alguns supostos membros da sociedade civil , com destaque para Amélia Aguiar , antiga concubina de Augusto Tomas , a toxicodependente Laura Macedo e a falsa moralista SIZALTINA CUTAIA , amante e destruidora de lar .

Aliás , a SIZALTINA CUTAIA foi prometido um lugar na lista de deputados da UNITA nas próximas eleições .
A SIZALTINA CUTAIA foi atribuída a responsabilidade de usar o espaço que ocupa no política no feminino da TPA para atacar o governo e o Presidente João Lourenço. Ela faz reuniões de preparação com a cúpula da UNITA , onde recebe orientações sobre como deve proceder no painel .

Os acontecimentos do último Sábado , nos lembram as campanhas de provocação da UNITA, antes e depois das eleições de 1992.
Ao que parece, a Galo Negro e alguns dos seus radicais pretendem voltar a um cenário de guerra e de confusão .

Alias , o desertor Abílio Camalata Numa , um dos cérebros desta nova radicalização da UNITA já veio admitir que são eles que estiveram por trás dos actos violentos ocorridos no Sábado.

Os dirigentes da UNITA estão a brincar com o fogo e esqueceram -se que existem dentro do MPLA e da sociedade , gente radical que nunca escondeu outro desfecho que não fosse a destruição da UNITA e dos seus dirigentes . Num cenário de caos , existem garantias de que sairão vivos e salvos como aconteceu com alguns deles em 1992? As balas perdidas não escolhem a cor partidária , elas matam simplesmente pessoas .

Ao promover o ódio contra as instituições , incitar a violência e até mesmo apelar ao assassinato de jornalistas e a destruição da TPA, a UNITA terá que arcar com as consequências dos seus actos irresponsáveis .

Angola vive uma grave crise econômica e sanitária . A UNITA e os seus dirigentes sabem que os problemas sociais que vivemos foram provocadas pelos seus actuais aliados : os militantes descontentes do MPLA que no mandato de José Eduardo dos Santos , roubaram o dinheiro do país para os seus fins pessoais .
Que a UNITA não pense que tomará o poder por via da arruaça e da desordem .

Existem angolanos e angolanos dispostas a defender se necessário novamente com sangue , a soberania de Angola e o normal funcionamento das nossas instituições .
Que Adalberto Costa Júnior não brinque com o fogo : não é uma ameaça : é mesmo um recado curto e directo para que perceba que já chegamos ao nosso limite .

Adalberto Costa Júnior , Kamalata Numa , Navita NGOLO , Nelito Ekuikui e Paulo Lukamba Gato não se esqueçam que também sabemos recrutar jovens para queimar pneus , incendiar as vossas casas e carros e aterrorizar as vossas famílias .

Não se esqueçam que também podemos incendiar as sedes da UNITA,tal como os vossos militantes da JURA estão a prometer fazer com a TPA, polícia nacional , ministérios e outras instituições do estado .

Deste lado também existem radicais dispostos a tudo , que não tem nada a perder .
Sabemos igualmente apagar fogo com gasolina .
Ao contrário do que aconteceu em 1992 e em 2002, nós não estaremos mais disponíveis para ouvir a voz dos líderes do país , pedindo moderação .
Que os dirigentes da UNITA não pensem que somos burros e distraídos .

Deixem de enviar autocarros alugados para trazer bandidos para as manifestações e confusões em Luanda .
Deixem de financiar jovens arruaceiras .

POR : DOROTEIA NANKOVA

0 0 votes
Avalia o Artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os Comentários
0
Adoraríamos que Comentasses x
()
x
%d blogueiros gostam disto: