Covid-19:Taxistas de Luanda são testados hoje no Cazenga e Cacuaco

Taxistas da província de Luanda começam a ser testados hoje, a partir das 8 horas, no Marco Histórico 4 de Fevereiro, no município do Cazenga, e no largo junto às bombas de combustível da Sonangol, em Cacuaco.

A informação foi dada, ontem, em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, no habitual encontro com os jornalistas sobre a evolução da pandemia da Covid-19, no Centro de Imprensa Aníbal de Melo. Sem avançar a quantidade de testes rápidos serológicos disponíveis, Franco Mufinda admitiu a possibilidade de a testagem continuar amanhã, criando-se outros pontos a serem indicados pela Associação dos Taxistas de Luanda.

Se haver um elevado número de taxistas, o governante disse que o Ministério da Saúde vai continuar com o combate e controlo da pandemia, fornecendo às províncias testes, medicamentos, equipamentos consumíveis, material de biossegurança e de outros meios hospitalares necessários.

País registou 73 novos casos

Em relação à situação epidemiológica, o secretário de Estado para a Saúde Pública informou que o país registou, nas últimas 24 horas, 73 novos casos positivos, sendo dois no município do Cazengo, no Cuanza-Norte, um em Cabinda e o primeiro caso na província da Lunda-Sul.  

No que diz respeito à província da Lunda-Sul, Franco Mufinda disse tratar-se de um morador de Saurimo que violou a cerca sanitária de Luanda e chegou no dia 23 de Agosto àquela cidade. Com este caso, frisou, apenas as províncias do Cuando Cubango, Huambo e Namibe não registaram, até ao momento, nenhum caso de infecção por Covid-19.

De acordo com o secretário de Estado, os restantes 69 casos foram registados nos municípios de Viana, Belas, Talatona, Cacuaco, Kilamba Kiaxi e nos distritos urbanos da Ingombota, Maianga e Rangel, na província de Luanda.  Dos 73 novos casos, frisou, 41 são do sexo masculino e 32 do sexo feminino, com idades entre 5 e 85 anos.

Informou que nas últimas 24 horas não houve registo de óbito e 22 pacientes foram recuperados. Com estes novos dados, o país tem 2.624 casos confirmados, dos quais 107 resultaram em óbito, 1.063 recuperados e 1.404 activos.  Dos 1.404 activos, dois pacientes estão em situação crítica a receber tratamento por ventilação mecânica invasiva, 23 estão graves, 36 são considerados moderados, 47 têm sintomas leves e 1.346 são assintomáticos.

O secretário de Estado disse que dos 1.346 assintomáticos, 309 estão internados nos centros de tratamento da Covid-19 e os restantes observam o isolamento domiciliar. Relativamente ao Laboratório de Biologia Molecular, Franco Mufinda informou que nas últimas 24 horas foram processadas 316 amostras, sendo 73 positivas.

Sublinhou que desde o início da pandemia já foram processadas 56. 561, sendo 2.624 positivas. Franco Mufinda informou, também, que o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) registou, nas últimas 24 horas, 38 chamadas, das quais uma denúncia de violação da cerca sanitária de Luanda e 37 pedidos de informação sobre a Covid-19.

De acordo com o secretário de Estado, em quarentena institucional estão 890 pessoas, sublinhando que ontem foram dadas altas a 10 cidadãos em Luanda e cinco na Huíla. Sob investigação epidemiológica estão 4.694 pessoas.  

Franco Mufinda voltou a apelar à população para o cumprimento das medidas de prevenção, como o uso da máscara facial, lavagem frequente das mãos com água e sabão, higienização com álcool-gel, distanciamento físico e a não violação das cercas sanitárias.

0 0 votes
Avalia o Artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os Comentários
0
Adoraríamos que Comentasses x
()
x
%d blogueiros gostam disto: