SIC detém quatro cidadãos por fraude financeira

Luanda -O Serviço de Investigação Criminal (SIC) e a Polícia Nacional procederam, nesta sexta-feira, no município de Talatona, em Luanda, à detenção de um grupo de quatro pessoas, por prática de fraude financeira, com cartões multicaixa. ,

Com idades entre os 27 e 37 anos, os detidos, um dos quais funcionário bancário, estão implicados na prática de crimes de fraude, por clonagem de cartões multicaixa e de associação de malfeitores.

Em declarações  à Angop, o porta-voz do Gabinete  de Comunicação Institucional e Imprensa da delegação de Luanda do Ministério, intendente Hermenegildo de Brito, disse que os cidadãos faziam recurso a aparelhos com tecnologia de última geração, que lhes permitia rastrear, copiar e posteriormente levantar as trilhas magnéticas de um cartão digital original.

Com essa tecnologia, tinham acesso a toda informação, que depois era transmitida a um computador central onde se procedia à leitura dos dados e tinham a réplica de cartões vigentes.
 

“Os factos ocorriam com o processo de recrutamento, feito por dois elementos do grupo, que consistia em atrair pessoas, que trabalhassem em restaurantes ou em qualquer estabelecimento comercial em que o cliente pudesse pagar com multicaixa”, explicou.

Acto contínuo, o recrutado recebia dos marginais uma máquina de rastreio de dados de cartões magnéticos, e procedia a clonagem dos cartões do cliente e no momento que o cliente iria efectuar o pagamento colocava a senha e memorizava-a e posteriormente a máquina oculta era recolhida para se efectuar a transferência, através de uma outra central, subtraindo assim os valores monetários contidos na conta da vítima.

De acordo com o oficial da polícia, a acção era executada numa dependência bancária, em conluio com uma funcionária da instituição financeira, que facilitava o levantamento.

Das investigações feitas, pelo SIC, detectou-se a subtracção por esta via de valores, em estabelecimentos comerciais, estimados em sete milhões de kwanzas.

Durante a operação, foram apreendidas seis máquinas que fazia a clonagem de cartões multicaixas, discos de programação, telemóveis, aparelhos de TPA,   cartões virgens, Ipad, computador, uma motorizada e igual número de viatura.

O responsável alertou os cidadãos a não se desfazerem, em momento algum, dos seus cartões multicaixas e não procederem à entrega dos mesmos a pessoas estranhas.

0 0 votes
Avalia o Artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os Comentários
0
Adoraríamos que Comentasses x
()
x
%d blogueiros gostam disto: