Morreu o ator Sean Connery, o eterno James Bond

O escocês, que desempenhou o papel do famoso espião em sete filmes, tinha 90 anos.

ator escocês Sean Connery morreu este sábado aos 90 anos, disse a família à BBC, indicando que ele já não estava bem “há algum tempo”.

Connery, que foi o primeiro a interpretar no cinema o papel de James Bond em 1962, era considerado por muitos como o melhor 007. Participou em sete filmes do espião britânico.

Ao longo de décadas, interpretou dezenas de papéis, tendo recebido um Óscar de melhor ator secundário no filme Os Intocáveis (1987). Venceu ainda dois Bafta e três Globos de Ouro, incluindo um prémio honorário Cecil B. DeMille pelo seu “contributo notável para o mundo de entretenimento”. Também foi nomeado o homem mais sexy pela revista People em 1989, pouco antes de cumprir 60 anos..

Do seu currículo fazem também parte filmes como “Caça ao Outubro Vermelho”, “Indiana Jones e a Última Cruzada”, “A Casa da Rússia, “O Rochedo” ou “O Nome da Rosa”. Em 2003 tinha-se retirado dos grandes ecrãs, depois do fracasso do último filme, Liga de Cavalheiros Extraordinários.

Vivia nas Bahamas com a mulher, Micheline Roquebrune Connery, com quem casou em 1975. Tinha um filho do primeiro casamento, com a atriz australiana Diane Cilentro, o também ator Jason Connery.

“Um dia triste para todos os que conheceram e adoraram o meu pai e uma perda para todas as pessoas à volta do mundo que gostavam do maravilhoso dom que ele tinha como ator”, disse o filho à BBC, explicando que ele tinha a família com ele nas Bahamas e que morreu durante o sono. Connery já não estava bem de saúde há algum tempo, referiu.

Em 2000, foi nomeado Cavaleiro do Império Britânico pela rainha Isabel II, sendo um fervoroso defensor da independência da Escócia. Era apoiante do Partido Nacionalista Escocês.

A chefe do governo escocês, Nicola Sturgeon, já reagiu à morte do ator. “Foi um privilégio ter conhecido o Sean. Quando falei a última vez com ele, era claro que a sua saúde estava a falhar — mas a sua voz, o espírito e a paixão que todos adorávamos ainda estavam lá. Vou sentir a sua falta, a Escócia vai sentir a sua falta. O mundo vai sentir a sua falta”, escreveu numa das mensagens no Twitter

Sean Connery nasceu a 25 de agosto de 1930 em Fountainbridge, Edimburgo, e trabalhou desde adolescente para ajudar a família. Desistiu da escola e aos 16 anos alistou-se na Marinha, mas problemas de saúde afastaram-no desse percurso. Seria na década de 1950 que lançaria a sua carreira como ator, com o primeiro papel de James Bond já em 1962 a catapultá-lo para a fama.

0 0 vote
Avalia o Artigo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os Comentários
0
Adoraríamos que Comentasses x
()
x
%d blogueiros gostam disto: